PM é preso após matar colega durante briga em Paulo Afonso - JITAÚNA EM DIA

EM DESTAQUES

Notícias em destaque.

Assista a transmissão ao vivo da 3° noite do São Pedro de Jitaúna

O São Pedro de Jitaúna está sendo transmitido ao vivo para todo o Brasil pelo Canal Tech System no YouTube e pelo site   www.jitaunaemdia.co...

01/01/2024

PM é preso após matar colega durante briga em Paulo Afonso

Foto: Divulgação

Dois policiais militares que dividiam a mesma casa na cidade de Paulo Afonso, no norte da Bahia, tiveram um desentendimento na noite de domingo (31). Durante a discussão, um deles sacou a arma e atirou contra o colega, que não resistiu. A vítima foi identificada como Railton da Silva Cardoso, lotado na CIPT Nordeste.

Imagens divulgadas pelo site de notícias local Ozildo Alves mostram o estado da frente da residência onde ambos estavam no momento do homicídio. Pelo menos nove disparos foram efetuados, atingindo a estrutura da casa. Um vídeo, publicado pela Mídia Bahia, também registra o momento em que Railton é socorrido por agentes policiais e colocado em uma viatura.

Não há informações sobre a natureza do desentendimento entre os colegas de farda. A Polícia Militar afirmou que o autor do crime foi preso no próprio domingo, ao se apresentar na sede do 20° Batalhão, em Paulo Afonso. “O PM apontado como autor dos disparos que vitimaram o colega foi encaminhado para a formalização da ocorrência na delegacia que atende à cidade. A arma do militar foi apreendida para ser encaminhada para a perícia. O policial ficará à disposição da justiça”, informou a corporação por meio de nota.

“A Polícia Militar da Bahia se solidariza com familiares e amigos, ao tempo em que se compromete com a adoção de todos os procedimentos que levem a uma apuração irrestrita dos fatos”, disse a PM em outro trecho do comunicado. O corpo do policial morto será periciado em Juazeiro, também no norte do estado, e, em seguida, levado na aeronave do GRAER para o município de Pedra de Fogo, na Paraíba, onde será sepultado, informa o site BNEWS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário