Helicóptero de táxi aéreo cai em Caraíva, no litoral sul de Porto Seguro; piloto e passageiros sobrevivem ao acidente - JITAÚNA EM DIA

EM DESTAQUES

Lutadora de jiu-jítsu morre em acidente de moto no sudoeste da Bahia

Foto: Reprodução/TV Sudoeste Uma lutadora jiu jítsu morreu ao sofrer um acidente de moto no domingo (26). Ela trafegava na BA-415, entre os ...

10/02/2024

Helicóptero de táxi aéreo cai em Caraíva, no litoral sul de Porto Seguro; piloto e passageiros sobrevivem ao acidente


Uma forte rajada de vento pode ter sido a causa da queda de um helicóptero, utilizado como táxi aéreo para realizar passeios turísticos, na tarde desta sexta-feira (9), no distrito de Caraíva, localizado no litoral sul de Porto Seguro. Segundo relatos, o piloto perdeu o controle da aeronave devido às condições adversas.

De acordo com testemunhas, a bordo da aeronave estavam o comandante e três passageiros. Não houve mortos. Um dos moradores relatou ter visto o piloto com manchas de sangue.

TRÁFEGO ELEVADO – O local do acidente é frequentemente utilizado para pousos e decolagens, e nesta época do ano, registra-se uma intensificação no tráfego aéreo, com mais de 20 helicópteros pousando diariamente, devido ao aumento do fluxo de turistas.

Além do volume significativo de tráfego aéreo, fazendeiros locais têm relatado voos rasantes, elevando as preocupações sobre a segurança tanto para as aeronaves quanto para as pessoas e propriedades no solo.

INVESTIGAÇÃO – A investigação de acidentes aéreos como a queda do helicóptero em Caraíva é de responsabilidade do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA). O órgão, vinculado à Força Aérea Brasileira, tem a função de conduzir as investigações com o objetivo de identificar as causas do acidente e emitir recomendações de segurança para prevenir futuras ocorrências.

CONDIÇÕES DO TEMPO – No momento do acidente, as condições climáticas na região de Caraíva, Porto Seguro, eram adversas, com rajadas de vento e instabilidade meteorológica, conforme dados fornecidos pelo Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). As informações são do site Radar News

Nenhum comentário:

Postar um comentário