Após acusação de aliado, prefeito de Camaçari nega cobrança de propina a empresa de água sanitária - JITAÚNA EM DIA

EM DESTAQUES

Notícias em destaque.

Jovem morre ao colidir motocicleta contra animal na BA-120 próximo a Gandu

Foto: Reprodução/Redes Sociais Um acidente na manhã deste domingo (16), na BA-120 resultou na morte de um jovem de morador do distrito de Al...

28/05/2024

Após acusação de aliado, prefeito de Camaçari nega cobrança de propina a empresa de água sanitária

Após o vazamento de um áudio em que o prefeito de Mata de São João, Bira da Barraca (União), afirma que a prefeitura de Camaçari supostamente teria cobrado propina para a instalação da fábrica da empresa de água sanitária Dragão no município, o prefeito de Camaçari, Elinaldo Araújo, se manifestou sobre as acusações do correligionário.

Em nota publicada nas redes sociais, a prefeitura afirma que por determinação do chefe do Executivo, a Procuradoria-Geral do Município promoveu, nesta segunda-feira (27), a apuração dos fatos. ”Após levantamento dos dados em todas as pastas do município, ficou confirmada a inexistência de qualquer processo ou mesmo tratativa entre os gestores das diversas secretarias do governo e os representantes da empresa, o que vem a confirmar a nota à imprensa divulgada nesta segunda pelo prefeito de Mata de São João, na qual afirmou tratar-se de ‘mal-entendido’ e de ‘que, em nenhum momento houve a intenção de acusar diretamente a Prefeitura de Camaçari” diz trecho da nota.

No documento, o prefeito Elinaldo Araújo também reiterou que ”o governo mantém um compromisso firme com a transparência e a conformidade com a lei, além de ressaltar que todos os processos de contratação e negociação passam por rigorosos mecanismos de controle interno e externo”.  As informações são do site Bahia Notícias 

Nenhum comentário:

Postar um comentário