Greve dos professores da Ufba chega ao fim após dois meses - JITAÚNA EM DIA

EM DESTAQUES

Notícias em destaque.

Lei da igualdade salarial tem boa adesão das empresas, diz ministro

— Crédito: Paulo Pinto/Agencia Brasil Sancionada no ano passado, a Lei da Igualdade Salarial, que visa garantir a igualdade salarial entre m...

27/06/2024

Greve dos professores da Ufba chega ao fim após dois meses

Foto: Reprodução

Após a decisão nacional, professores da Universidade Federal da Bahia (Ufba) decidiram encerrar a greve no estado. O retorno às atividades foi aprovado por ampla maioria em assembleia realizada na tarde desta quarta-feira (26), no PAF (Pavilhão de Aulas da Federação) I, em Salvador.

Em breve comunicado enviado à imprensa, os docentes afirmam que a decisão será repassada à reitoria. Na sequência, o Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) deve se reunir para reprogramar o calendário acadêmico.

Horas depois, a Reitoria se pronunciou, informando que as aulas serão retomadas já na quinta-feira (27). O Comando de Greve, no entanto, destaca que é o Consepe quem definirá o início das atividades de classe. A reunião do conselho para realização dos ajuste no calendário será na próxima quarta (3).

Cenário nas demais instituições federais

Diante do processo de encerramento do movimento grevista, a situação é semelhante nas demais universidades: os respectivos conselhos devem se reunir para refazer o calendário acadêmico. A maioria das instituições ainda não indicou quando isso será feito. Confira o monitoramento abaixo:

Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB): já havia decidido encerrar a greve dos docentes nesta quarta (26); g1 não conseguiu retorno sobre o calendário acadêmico.

Universidade Federal do Oeste da Bahia (Ufob): decidiu pelo fim da greve em assembleia realizada na terça-feira (25); ainda não definiu data para reunião sobre o calendário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário