Suspeito de matar dentista em Salvador brigou com vítima por dívida de R$ 100 para comprar droga - JITAÚNA EM DIA

EM DESTAQUES

Notícias em destaque.

Assista a transmissão ao vivo da 3° noite do São Pedro de Jitaúna

O São Pedro de Jitaúna está sendo transmitido ao vivo para todo o Brasil pelo Canal Tech System no YouTube e pelo site   www.jitaunaemdia.co...

19/12/2023

Suspeito de matar dentista em Salvador brigou com vítima por dívida de R$ 100 para comprar droga

Foto: Rede Social

O homem preso suspeito de matar o dentista Lucas Maia de Oliveira, de 36 anos, no prédio de luxo Celebration Garibaldi, no bairro do Rio Vermelho, em Salvador, disse em interrogatório para a polícia que tinha uma relação de amizade com a vítima, mas os dois brigaram por causa de uma dívida por drogas no valor de R$ 100.

Identificado como Patrick Pereira Pinho, de 22 anos, o suspeito foi encontrado na manhã desta segunda-feira (18), na casa em que morava com a namorada, no bairro do Engenho Velho da Federação. Ele estava escondido embaixo de uma pia, enrolado em um cobertor.

Patrick Pereira pediu para a companheira falar que ele não estava no imóvel. A mulher foi ouvida pela polícia e disse que o namorado confessou ter matado o dentista. Ele confessou o crime para ela após a companheira reconhecer a tatuagem dele em uma reportagem na televisão.

O suspeito contou para a polícia que conheceu o dentista cerca de um mês antes do crime em uma praça, na Avenida Garibaldi. Ele negou que os dois tenham tido qualquer envolvimento amoroso e sexual.

De acordo com as delegadas Zaira Pimentel e Pilly Dantas, os dois discutiram por causa da dívida e entraram em luta corporal. Lucas Maia teria pedido para Patrick Pereira comprar drogas e depois não pagou o valor que o suspeito gastou. Patrick disse que achou que o dentista estava desmaiado. Decidiu então amarrar os pés da vítima e roubar uma televisão, o notebook, um relógio, uma mala com roupas e o carro. Leia mais no G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário