Vídeo: Câmera flagra homicídio de passageiro após discussão de trânsito em Itabuna - JITAÚNA EM DIA

EM DESTAQUES


Homem é esfaqueado por companheira enquanto dormia; crime ocorreu na região sisaleira

Foto: Reprodução / Calila Notícias Um homem foi esfaqueado pela companheira na noite desta quinta-feira (16) em   Araci , na região sisaleir...

07/05/2024

Vídeo: Câmera flagra homicídio de passageiro após discussão de trânsito em Itabuna

— Crédito: Reprodução

Sistema de vigilância filmou o assassinato do passageiro de transporte por aplicativo baleado após discussão entre o motorista do carro onde ele estava e um motociclista, autor do disparo, domingo (5), em Itabuna (lembrar). O pedreiro José da Paixão Santos do Nascimento, 40, que não tinha nada a ver com o bate-boca, foi atingido na cabeça e morreu a caminho do hospital.

A gravação mostra o carro e a moto em um cruzamento do Jardim Primavera. Enquanto o Renault Kwid se afasta lentamente, o motociclista saca uma pistola e atira na direção do outro veículo. No automóvel, também estavam a esposa de José da Paixão, Milena Santos Ferreira, e os dois filhos do casal.

À TV Santa Cruz, Milena disse que a moto fechou o carro, e o motorista repreendeu o motociclista: “Rapaz, você está todo errado!”. Segundo a viúva, o motociclista retrucou e, quando o condutor do outro veículo terminou de dizer que não queria confusão, ela ouviu o estampido. A bala quebrou o vidro traseiro e atingiu José, que estava no banco de passageiro da frente.

No momento do crime, o motociclista levava uma mulher na garupa. Eles deixaram o local no sentido contrário ao do carro.

IDENTIFICAÇÃO

Condutores de transporte por aplicativo fizeram uma manifestação nesta terça-feira (7), em Itabuna. Ele pediram paz no trânsito, respeito à categoria e justiça por José da Paixão, que foi sepultado ontem, em Ilhéus.

Segundo um dos motoristas, a Polícia Civil teria identificado o autor do disparo, que seria policial militar. Questionada pela PIMENTA, a Polícia Civil não confirmou essa informação. “As circunstâncias, autoria e motivação do crime são apuradas pela DH/Itabuna”, diz a corporação, em nota. (Pimenta)

Nenhum comentário:

Postar um comentário